terça-feira, 20 de julho de 2010

Certa Manhã Acordei de Sonhos Intranquilos

(Certa manhã acordei de sonhos intranquilos - Otto - 2009)

Na estante empoeira da velha biblioteca da minha antiga escola em Minas estava um livro, chamava-se Metamorfose, escrito por Franz Kafka.
Desde cedo aprendi que se tratava de um livro denso, metafórico e depressivo, havia também rumores de que vários suicídios foram cometidos depois da sua leitura. Minha professora o chamara de livro do vazio. Leitura indispensável pra quem gosta da boa literatura.
O livro conta a história de Gregor Samsa, um jovem questionador do mundo, mas não vou entrar em detalhe sobre ele, só o mencionei porqueo livro começa com a frase que dá título ao álbum.
"Certa manhã, Gregor Samsa acordou de sonhos intranquilos"...
Esse disco foi a mais grata surpresa do ano pra mim, ele é extremamente conceitual, então é bom que se ouça por inteiro, faixa a faixa, tentando capitar cada timbre. Tenho ouvido todos os dias, ele conta um pouco da transformação de pensamentos que passei nos últimos meses.
A cada canção é nítida uma evolução das histórias cantadas.
Otto faz um apanhado das mais belas referências da música regionalista pernambucana, e é perceptível a influência dos tempos em que ele fazia parte da banda Mundo Livre S/A. O maracatu está presente dando uma sonoridade incrível.
Otto inicia o disco com a música intitulada "Crua", já mostrando de cara um som harmônico e bom de se ouvir.
O álbum também conta com várias participações especiais, destaco Lirinha da banda Cordel do Fogo Encantado, e nos mostra uma salada temperada de musicalidade.
É um disco de amor antes de mais nada, incrivelmente viciante e indico a todos vocês.
E como toda metamorfose que se prese, a canção que finda com chave de ouro chama-se "Agora Sim", que é exatamente como me sinto. Tenho um apreço grande pelo disco, ele retrata meus sentimentos com precisão.

#Agora Sim - Otto

2 comentários:

Jân Bispo disse...

bom devo dizer-lhe que eu estou rindo pois acabei de me senti meio bobo, na segunda feira uma amiga estava com esse CD na mão, eu o peguei e olhei a capa e acabei julgando o cd pela capa e nem me interessei, kkkkk... comentei que tinha lido aquela frse em Kafka um livro que me intrigou por um tempo até o indiquei. E ai vc relata maravilhosamente bem sobre o CD... bem agora tenho que escuta-lo inteiro pois a faixa que vc nos presenteou é realmente ótima... abraços! e valew pela dica! rs

Tamara Lacerda disse...

E tudo isso graças a quem? QUEM? Eeeeeuuu! :D
O melhor cd de Otto com toda certeza!
E viciante, muito viciante!